Editorial

O Solar dos Espíritos e o IV Fórum Internacional dos Soldadinhos de Deus (I)

Na abertura dos trabalhos práticos do Centro Espiritual Universalista (o CEU da Religião do Terceiro Milênio), em 27 de janeiro de 2007, sábado, o Irmão Presidente-Pregador da Religião de Deus, José de Paiva Netto, proferiu, de improviso, no ambiente místico do Solar dos Espíritos, uma comovente prece dirigida ao Cristo Ecumênico.

Neste diálogo com o Taumaturgo Celeste, o Irmão Paiva fez o Batismo do IV Fórum Internacional dos Soldadinhos de Deus, da LBV, que ocorrerá no dia 31 de março de 2007 em todo o Brasil e Exterior*1. Realizou ainda uma cerimônia das mais elevadas, pedindo as bênçãos do Criador, para que as colunas imateriais que sustentam o Solar dos Espíritos sejam revestidas pela claridade do próprio Deus.

A certeza inabalável do líder da Religião do Amor Universal de que o destino das Instituições da Boa Vontade e dos que delas participam está nas seguras mãos de Jesus é algo que nos fortalece a Fé Realizante. Os preceitos pragmáticos do Estratego Divino são o luzeiro inextinguível na estrada de nossas existências.

A pedido do Irmão Índio Flexa Dourada (Espírito), esta oração foi ao ar pela Super Rede Boa Vontade de Comunicação (Rádio, TV e Internet), no dia 29 de janeiro de 2007, segunda-feira. Ao publicá-la, em duas partes, desejamos levar a um maior número de lares brasileiros e estrangeiros de Boa Vontade os fluidos de saúde e paz que emanam desse elevadíssimo colóquio do Irmão Paiva com o Cristo Ecumênico.

Os Editores

 

Deus está Presente! Viva Jesus em nossos corações para sempre!

A sociedade terrena poderia continuamente conviver com as Divinas Esferas e subsistir envolta por esse aroma espiritual*2 que sentimos no Solar dos Espíritos e, mesmo, nas ambiências próximas, nos outros prédios onde se trabalha pela causa do Cristo Ecumênico. Todavia, como lembrou o velho Leibnitz (1646-1716): “natura non facit saltum”, traduzindo, “a natureza não dá saltos”.

Por isso, temos de aguardar o amadurecimento das criaturas humanas e dos Espíritos que vivem nas cercanias da crosta terrestre, onde há muitos missionários, a exemplo dos Índios, Caboclos, Pretos Velhos, Índias, Caboclas, Pretas Velhas, e Almas Celestes como a do Dr. Bezerra de Menezes (1831-1900), que preferiu prosseguir ajudando os pecadores que ainda somos a se elevarem aos patamares excelsos do Reino de Jesus, a que fez o nobre médico por merecer. Ele renunciou, até agora, a esse privilégio por nós.

 

Periferia do Grande Saber

Essa maturidade física e espiritual dos seres também se dá pela determinação das Potestades Divinas de que é chegada a hora de amplos acontecimentos transformadores, que infelizmente, até os tempos atuais, só advém, na maioria das vezes, por efeito da Mestra Dor. E os Entes Humanos não podem impedir esses fatos cármicos, por eles constituídos, porque até mesmo a Ciência ainda não tem a extensão do conhecimento pleno para o avanço extraordinário que é imprescindível à sua sobrevivência para e pela Paz, e não para alimentar a guerra.

Que ascensão é essa?

Ela ocorre no rumo da Humanidade do Espaço sob a claridade do Novo Mandamento de Jesus*3. Por essa razão, a Ciência da Terra, que desconhece este Fator Divino imprescindível, não tem ainda o poder sobre as coisas. Permanece, apesar dos seus notáveis esforços, na periferia do grande saber. É um engano supor que ela tenha o facho de luz de toda sabedoria nas mãos, porque tudo o que afirma, hoje, serve quase que apenas para o instante que vivemos. Em seguida, novas descobertas surgem, fazendo com que teses consideradas pétreas deixem de sê-lo. Daí não podermos levá-la a sério quando, peremptória e dogmaticamente, nega o Mundo Espiritual.

 

Nossa família integral

Recordo-me do que, certa feita, assegurou o Irmão Flexa Dourada, a respeito de determinada personalidade que combate a Vida Eterna, como se os Espíritos (a serviço do Bem ou do mal) fossem incapazes de intervir nos destinos do Planeta que habitamos:

 

─ “Irmão de Paiva, se ele for bom mesmo nesses assuntos, vai dar de cara com a gente”.

 

E isto não ocorreu.

Triste, muito triste para um Espírito quando passa para o Outro Lado e descobre que persistiu no erro, negando a própria origem, portanto, o caminho de sua felicidade. De lá vem a nossa família integral, o Governo Divino, acerca de que já vêm aprendendo os Soldadinhos de Deus e a Juventude Militante da Boa Vontade que apresenta ao mundo a Política Celeste para o Ser Humano e para o seu Espírito eterno.

 

Diretrizes do Governo Espiritual

Suplicamos ao Divino Educador que derrame sobre o Solar dos Espíritos; sobre o IV Fórum Internacional dos Soldadinhos de Deus, da LBV; sobre todos os órgãos das Instituições da Boa Vontade; os fóruns da Juventude Legionária do Novo Mandamento de Jesus, o Cristo Ecumênico, toda a Sua Sagacidade, todo o Seu Poder, toda a Sua Humildade que é, acima de tudo, corajosa; porquanto, da vivência da Verdade e do Amor que engrandece a Justiça advém o real poder. E da mesma forma que Te pedi, ó Senhor de nossas vidas, para o Templo da Boa Vontade, na presença do nosso estimado Irmão Legionário Haroldo Rocha, em Brasília/DF, Brasil, a 21 de outubro de 1989, dia da inauguração do Templo das Almas Benditas, imanta este ambiente com o Teu Saber Divino, o Solar dos Espíritos e o IV Fórum Internacional dos Soldadinhos de Deus, da LBV.

Ó! Provedor do Céu e da Terra, rogo-Te que deixes fluir sobre toda a Humanidade a Tua Consciência Divinal a respeito das coisas, a Tua Ciência, o Teu Conceito Libertador e Generoso de Religião, a Tua indescritível vivência política, o Teu

Sábio conduzir para a Economia, o Teu Comando para as ações benéficas do Teu Exército Celeste, que não derrama sangue, muito pelo contrário, que impulsiona, fortalece de ânimo, ensina a realizar a Tua Sacrossanta Vontade sobre multidões e multidões.

Faze-nos chegar as Diretrizes Insuperáveis do Teu Governo, para que a Política Divina frutifique nos corações e nas mentes libertárias. Ela não pode habitar os palácios terrestres, sem antes instalar-se no Gabinete de Deus, que são os corações dos que governam e são governados, para que possa haver, finalmente, Paz entre as criaturas de Boa Vontade dos mundos material e espiritual.

 

Religiões Irmanadas

Por isso, ao saudoso Irmão Alziro Zarur (1914-1979) foi inspirada a criação da Legião da Boa Vontade; a ele e, por extensão, aos que o cercavam naquele momento, pois foram inspirados a seguir os seus passos. O genial Zarur foi o aríete, sem o qual nada teria acontecido. Dele surgiu a coragem de abrir esses caminhos novos, pioneiramente iniciando pelas Religiões Irmanadas — de onde deve nascer a ética, pois é dever dos religiosos ensinar o comportamento civilizado aos rebanhos humanos. E todos esses fatos que a Boa Vontade de Deus fez florescer a partir do Brasil, sem que ele, o mundo, o percebesse. É como a água que vem e sacia o areal sequioso, território que se encontrava desértico. E esse Líquido Divino faz com que floresçam as matas, as searas sejam produtivas, os Seres Humanos possam alimentar-se, saciar a fome da família, e, conseqüentemente, que os povos consigam viver sem o tormento da miséria do corpo e da Alma.

 

Corpo Místico do Cristo

No entanto, em primeiro lugar, é urgente que aprendamos a alimentar-nos do Corpo Místico do Cristo e beber do Seu Sangue Fluídico, como Ele próprio ensinou nas Suas Pregações inesquecíveis, provocando escândalo entre muitos daqueles que O ouviam, mas não O compreendiam. Ele falava de Espírito e muitos entendiam matéria.

Ó Jesus, que vens nutrindo o Espírito do Poder do Pai Celestial, da Misericórdia Excelsa, da Justiça Sublime nos corações, sem que mesmo os Seres Humanos o saibam, para que a Compaixão de Deus se firme entre nós. E, a partir dela, tudo melhore, custe o tempo que for necessário.

Eis por que nos reunimos aqui no Solar dos Espíritos. Daí existir a Super Rede Boa Vontade de Rádio, a Boa Vontade TV, nossos sites na internet, os Fóruns da Juventude Legionária e dos Soldadinhos de Deus, o Fórum Espírito e Ciência, o Fórum Ecce Deus, que devem ser conduzidos pelo luzeiro que desce do Alto sobre nós.

 

Criados à semelhança de Deus

Nenhum desses grandes acontecimentos da Religião de Deus, da Legião da Boa Vontade, da Fundação José de Paiva Netto, da Associação Educacional Boa Vontade, mesmo da Rede Sociedade Solidária, ou das nossas reuniões mais comuns pode ocorrer, sem que antes elevemos o pensamento a Deus, ao Cristo, ao Espírito Santo, aos poderes invisíveis que são realmente os que têm poder, porquanto são ponderados na Tua Sabedoria.

Como somos universalistas, a ponto de proclamarmos o Cristo Ecumênico, conseguimos aliar, pelo exemplo de nossa pregação e de nossos atos, que justificam as nossas palavras, crentes de todas as religiões e pensares os mais diversos, inclusive ateus.

Neste momento, pedimos humildemente que cada um se manifeste pelo coração, nem que seja silenciosamente, segundo a sintonia com as Esferas Invisíveis Superiores ou da consciência humana mais exalçada, que também é um nome de Deus para quem Nele não creia, uma vez que o Pai Celestial é misericórdia. E esta, unida à coragem e à justiça, tudo vence, porque alimenta as Almas no Bem incorruptível.

É essencial que nos elevemos de nossa vulgaridade terrena. E mesmo estando no corpo físico, possamos nos valer da sapiência que do Pai baixa sobre TODOS os Seus filhos. Motivo pelo qual Jesus ter declarado, justamente por Seu Coração Magnânimo de Caridade, à Samaritana ─ uma mulher condenada pelos hipócritas daquele tempo, e por representar ela a Humanidade nas suas dúvidas e erros ─ que fomos criados à imagem e semelhança de Deus.

Mais facilmente era o Taumaturgo da Paz entendido pelos simples e pecadores do que pelos senhores do conhecimento engessado. E o Irmão Zarur explicou o que disse o Celestial Educador, pois fomos “criados à imagem e semelhança de Deus em Espírito, porque ‘Deus é Espírito’”. (Evangelho, segundo João, 4:24)

A carne, ó Ciência terrestre, não é o principal, é apenas a vestimenta que se troca de acordo com as vivências sucessivas, que se muda consoante as reencarnações. É como o Sol que se põe, para renascer amanhã. Assim é a vida. A gente vai, mas depois volta. Por isso, ninguém pode suicidar-se pensando que se libertará da dor, porquanto o que vai ocorrer é o contrário: como a morte não termina com a vida, o suicida acordará do Outro Lado sofrendo muito mais, a começar pelo fato de descobrir que se enganou a si próprio ou a si mesma, porque ninguém morre. Zarur definia: “Não há morte em nenhum ponto do Universo”.

 

Aos Soldadinhos de Deus, seus pais e preceptores

Ó Divino Orientador, inspira os Soldadinhos de Deus, seus pais e preceptores. Ontem, sexta-feira, 26 de janeiro de 2007, no Rio Grande do Sul, fui levado por Ti a afirmar, na pregação da Religião do Amor Universal, ao ler páginas do querido Emmanuel, na psicografia do saudosíssimo Legionário da Boa Vontade Francisco Cândido Xavier (1910-2002), em A Caminho da Luz, que a origem de tudo, a nossa família cósmica, vem desde os tempos em que os exilados, expulsos de Capela, chegaram a este Planeta para contribuir pela evolução dos autóctones, isto é, os Espíritos criados por Deus especialmente para viver e evoluir aqui, na Terra, até merecerem elevar-se a outros orbes que se movem pelo Universo. Deus é Espírito

 

 (Continua)

 

__________________________

*1 Veja endereços na página 35 desta edição

*2 Aroma espiritual — Paiva Netto refere-se ao perfume que envolvia o ambiente do Solar dos Espíritos no momento em que dava início à Prece dedicada a Jesus.

*3 Novo Mandamento de Jesus — O texto, na íntegra, encontra-se na página 4.

Leitura exclusiva para assinantes.

Ecumenismo

Espiritualidade

Evangelho-Apocalipse

Revista JESUS ESTÁ CHEGANDO!

Av. Marechal Floriano, 114 • Centro • Rio de Janeiro/RJ20080-002

(21) 2216-7851

jesusestachegando@boavontade.com

Pesquisar